quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

APRENDER É COMO ANDAR DE BICICLETA

Tão importante quanto aprender é fazer uso das coisas que se aprende, chego a pensar que entre aprender e não usar o que se aprendeu é melhor não aprender, ao menos temos a desculpa de dizer que não sabíamos. Quando aprendemos algo novo e não buscamos colocar em prática, esse novo aprendizado cai no esquecimento, ficamos despreparados. 

Para um melhor entendimento em relação ao que escrevo, podemos usar o exemplo do andar de bicicleta, e ai a pergunta: você sabe andar de bicicleta? Se a resposta for sim, pergunto qual a última vez que você andou? Eu sei andar de bicicleta, mas fazia anos que não andava. Recentemente, decidi passear de bicicleta com meu filho Vinícius, de 8 anos. Ele anda de bicicleta praticamente todos os dias, e durante o passeio, ele já saiu na minha frente, pedalava com uma facilidade incrível, enquanto eu, no quinto quarteirão já estava de língua para fora, tentava acompanhá-lo, mas ele era muito ágil, subia calçadas, pulava barreiras. No decorrer do passeio, nos deparamos com uma pequena ladeira, Vinícius com sua disposição física e habilidade com a bicicleta, subiu sem nenhum sacrifício, enquanto eu, desci da bicicleta e precisei empurrá-la. 

Agora, vamos imaginar uma nova situação, uma competição entre eu e o Vinícius, quem de nós estaria mais favorável a ganhar? Evidente que o Vinícius, por toda prática que ele possui. E isso me fez lembrar uma frase de William Shakespeare: "Ninguém poderá jamais aperfeiçoar-se, se não tiver o mundo como mestre. A experiência se adquire na prática.".

Faço essa comparação, para entendermos melhor, quando nos colocamos em uma situação de aprender algo novo, é preciso que estejamos abertos “ao novo” para que possamos promover em nossas vidas as mudanças necessárias. Conheço pessoas que já participaram de centenas de cursos, dos mais variados temas e não mudaram absolutamente nada, não colocaram em prática os novos ensinamentos, estando acostumados a fazer sempre do mesmo jeito, da forma que aprenderam há anos, ficando presas aos velhos hábitos, a comportamentos que não querem abandonar. 

Aprender e não usar é andar de bicicleta, sabemos, contudo, não colocamos em prática as nossas habilidades. E as empresas precisam de colaboradores que saibam usar seus conhecimentos na prática, e a única forma de ser prático é praticando, se você participa de um curso de planejamento financeiro e não planeja suas finanças, se você participa de um curso de organização do tempo e não tem tempo para absolutamente nada, provavelmente existe algo de errado, e o erro vai sempre existir, se não usarmos na prática as novas informações recebidas. 

Assim sendo, que possamos a cada dia aprender algo novo, lembrando sempre de colocar nosso aprendizado em prática, pois só assim, estaremos contribuindo verdadeiramente com o nosso crescimento pessoal e nos tornando profissionais de sucesso.

Texto de Pedro Paulo Luz

Nenhum comentário:

Postar um comentário